Cabelo (Fricotando)

soprano, flute, clarinet, guitar, percussion, mandolin and cello|soprano, flauta, clarinete, violão, percussão, bandolim e violoncelo
2015

Score|Partirura

Obra vencedora do I Prêmio de Música Contemporânea da Bahia

A obra Cabelo (Fricotando) realiza uma fusão crítica entre a canção Fricote, de Luiz Caldas – uma das pedras fundamentais da Axé Music – com gestos e processos contemporâneos, inspirados na ideia de uma textura de “Cabelo Duro”.

O ímpeto para a composição da peça surgiu de uma manifestação realizada por estudantes na ocasião da Aula-Show de Luiz Caldas na UFBA, em 2015, motivada por atos de injúria racial ocorridos na Faculdade de Arquitetura na Semana de Calouros, em março de 2015. O cabelo é um ato político, cultural, manifesta resistência e força.

Essa peça, portanto, presta uma homenagem ao cabelo afro, busca a conexão ancestral com as forças de resistência e a eterna transformação, motivadas pela necessidade sobrevivência. Homenageio também as mulheres negras, em especial ao cabelo duro e revolucionário de Luísa Mahin, personagem histórica da Bahia, uma das lideranças da Revolta dos Malês. Luísa é considerada uma heroína brasileira, embora pouco se ouça dessa proprietária de um Cabelo Duro e de um pulso firme. A fusão crítica nos conduz pouco a pouco para um poema do seu filho, o poeta abolicionista Luis Gama, intitulado “Minha Mãe”, fazendo alusão à terna pessoa. Quando nos deparamos, estamos no ambiente sonoro do poema, numa espécie de ilusão de liberdade, para logo retornamos ao nosso jogo de textura, emaranhado de fios e cabelos afro.

Premiere
Camará Ensemble
I Prêmio de Música Contemporânea da Bahia
Reitoria da UFBA
20/10/2015

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s