Fumebianas Nº 6

Continuando a onda de entusiasmo pela premiação no Prêmio Funarte de Composição Clássica (mais uma vez, é desnecessário dizer o quanto estou lisonjeado e contente com o reconhecimento do trabalho), sigo a comemoração postando mais uma gravação recente de obra, a segunda das três prometidas.

A Fumebianas Nº 6 também foi gravada por Alexandre Espinheira, no Teatro Vila Velha, Salvador. A interpretação foi do competentíssimo Quarteto de Clarinetes da UFBA, com uma participação deste que vos tecla na regência.

Na série Fumebianas (da FUMEB, Fundação Mestre Bimba), desenvolvi os conceitos relacionados à minha pesquisa de doutorado sobre a relação entre música e movimento na Capoeira Regional. Diversos materiais foram extraídos do diretamente do contexto, tais como material melódico, texturas, escalas etc. Entretanto, é no campo conceitual que Fumebianas propõe um universo poético profícuo, a partir dos quatro conceitos inferidos no contexto: ciclicidade, incisividade, circularidade e surpreendibilidade.

Nessa obra, parti da ideia de amálgama sonoro proporcionada pela formação homogênea do quarteto de clarinetes para criar um interessante diálogos de texturas estáticas e de grande movimentação. A escolha dos materiais, tais como fundamentais dos multifônicos, harmonia, material melódico etc, partiu de uma canção extraída do contexto da capoeira, repetidamente aplicada na série.

A gravação está disponível em Ouça! e a partitura em Obras. Boa escuta!

Também nunca é demais lembrar que comentários de toda ordem são sempre bem-vindos!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s